O valor da imagem na venda de jóias

item
item
item

Quando a decisão de compra de é baseada em detalhes a imagem passa valer muito mais do que a sua descrição. Uma jóia é uma obra de arte feita com preocupação no acabamento, seleção de materiais e principalmente na beleza. Retirar do produto o máximo de seu valor é uma questão de conhecimento e experiência.

Uma joia é a expressão do desejo e reflexo de um sentimento. Ela representa o começo de um relacionamento, uma prova de amor, a conquista profissional. Quando uma consumidora olha um anel, coloca-o no dedo e o admira, pensa nele como complemento de sua beleza, potencializador de seu brilho. Esses pequenos detalhes são a base intangível na compra de jóias. Eles vão existir antes, durante e depois da compra e vão criar a imagem emocional do produto no incosciente do consumidor.

Por isso quando obtemos imagens de joias consideramos diversos aspectos: Realismo, composição e valorização.



  • Realismo: Antes de traduzir o produto em imagem é preciso decidir se a peça real é mais eficiente que uma modelagem computadorizada. Muitas jóias perdem seu apelo estético quando desenvolvidas em computador. Tornam-se menos exclusivas e menos realistas. Outras, no entanto, ampliam detalhes antes despercebidos. Um brilho, um reflexo, um ponto de luz mal colocado podem destruir uma peça clássica.

  • Composição: A profundidade da jóia, o controle das proporções, o agrupamento por coleções, a escolha da peça destaque são algumas das técnicas que utilizamos para conduzir o cliente em direção ao encantamento.

  • Valorização: A escolha do melhor ponto de vista, o tratamento da imagem, o controle de cor, eliminação dos reflexos e controle do brilho diferenciam e valorizam jóias.



  • Antes de traduzir o produto em imagem é preciso decidir se a peça real é mais eficiente que uma feita por um render. Muitas jóias perdem seu apelo estético quando recriadas em computador. Tornam-se menos exclusivas e menos realistas. Outras, no entanto, ampliam detalhes antes despercebidos. Um brilho, um reflexo, um ponto de luz pode destruir uma peça clássica.

    A escolha do fotógrafo, tanto de produto quando de modelo, precisam respeitar o conhecimento em joalheria, afim de reduzir o tempo em estúdio e aumentar a qualidade das obtenções. O olhar treinado consegue retirar o melhor ângulo e colocar o produto em primeiro plano na imagem. O tratamento da imagem, a limpeza das imperfeições, a escolha dos reflexos mais importantes e o controle da cor transformam seu catálogo em uma obra de arte.

    Assim sendo, um catálogo de jóias não é apenas uma ideia criativa. É um processo técnico de reprodução, uma arte de encantamento e um trabalho de artesão.

    Um pouco sobre Decifrar

    Nossa compreensão de Comunicação é baseada na relação entre as partes. Mais importante que a forma, o conteúdo deve atingir os objetivos propostos e criar sinergia entre vendedor e consumidor.

    Com isso não desconsideramos uma propaganda bonita, inteligente ou criativa. Apenas acreditamos que a sua função é mais importante que seu formato.